My story

Minha história

"Se você quiser fracassar em sua apresentação, acredite que a plateia está ali por causa de você.

Se quiser ser bem sucedido, acredite que você está ali por causa da plateia.”

Ákos Gerold

Assim que percebi que líderes falam de forma diferente do que gestores

e técnicos, não teve mais volta. Estudei tudo que pude encontrar sobre como líderes conseguem tocar mentes e corações.

Isso é feito com base em como o cérebro recebe, processa e recupera informações. E líderes não falam apenas para o cérebro racional, como a maioria dos gestores e técnicos, mas também às mentes instintiva e emocional. Porque todos nós tomamos decisões em esses três âmbitos, mesmo estivermos conscientes do nível racional. E isso se aplica a decisões tanto sobre temas técnicos como racionais.

Apresente-se como a maioria e você será como a maioria dos apresentadores. Mediano. 

Apresente-se como um líder e você será como um líder. Extraordinário.

Mas eu estava para me surpreender.

Graças aos meus interesses e aos interesses e às profissões de meus pais, ao crescer eu aprendi muito sobre a contação de histórias em filmes e na literatura. Meus estudos universitários sobre linguística e literatura da língua inglesa me ensinaram como construir histórias poderosas que evocam emoções e como fazer com que mensagens sejam mais memoráveis, implantando-as nas mentes da plateia para que façam sua mágica e influenciem decisões. 

 

Para minha surpresa, eu entendi que, há décadas, sem perceber, eu já estava aprendendo como falar como um líder. Minha fome de aprender cada vez mais fez com que eu continuasse a estudar diferentes aspectos da oratória de forma meticulosa e com uma mente crítica.

As peças do quebra cabeça se encaixaram. Agora era hora de compartilhar.

Uma oficina em Frankfurt, Alemanha, 2016.

Quando comecei a ensinar sobre como falar em público de forma amigável ao cérebro, minha mente analítica, meu pensamento crítico e minha formação de professor me ajudaram a organizar o conteúdo em elementos compreensíveis, manegáveis e aplicáveis, de forma que até os clientes com pensamento mais técnico pudessem dominar com facilidade

Consegui fazer com que algo abstrato e às vezes até quase esotérico fizesse sentido para meus clientes. Mostrei a eles que falar como um líder não é um talento, mas uma habilidade que todos podem aprender com maestria.

Reconhecimento de colegas

Akos Gerold, business communication cons

Uma oficina de conferência em Sitges, Espanha, 2015

Akos Gerold, business communication cons

Uma oficina em Munique, Alemanha, 2015

Akos Gerold, business communication cons

Treinamento remoto para a Unesco no Brasil, 2015

Embora meu foco não seja em competições de oratória, mas em falar em público e ensinar essa habilidade aos outros, foi uma grande satisfação quando minha apresentação foi votada a melhor na conferência anual do Grupo de Interesse Especial de Inglês para Negócios (BESIG) da Associação Internacional de Professores de Inglês como Língua Estrangeira (IATEFL), em Sitges, Espanha, ou quando minha sessão foi uma das sete selecionadas de 31 para a conferência Toastmasters do distrito D95 em Brno, na República Tcheca em 2017. Também foi um prazer ser um jurado no Prêmio de Melhor Apresentação no UCLan IBC em Paris, França em 2012 e para a Competição Internacional de Oratória promovida pelo English Speaking Union em 2017 em Brasilia, Brasil.

Em essência?

Embora o processo de transformar a forma de pensar de um orador mediano para aquele de um líder envolva muitos detalhes, quando me pedem para resumir tudo em um conselho, costumo dizer o seguinte:

Se você quiser fracassar em sua apresentação, acredite que a plateia está ali por causa de você.

Se quiser ser bem sucedido, acredite que você está ali por causa da plateia

Minha motivação vem de ensinar você como usar o que sabemos sobre o cérebro a seu favor durante suas apresentações; abrir seus olhos para que entenda como a oratória é uma ferramenta muito mais poderosa do que você imaginava antes de saber como fazer isso de forma amigável ao cérebro; e vê-lo crescer como orador e líder. E meu lugar favorito de ver tudo isso acontecer é na sala de treinamento. 

Espero encontrar você lá!

Boas apresentações!